GibbsGibbs

Gibbs Consult

A gestão dos recursos humanos nas empresas como fator de sucesso.

As empresas hoje precisam entender que para obter sucesso e lucros em seus negócios precisam

prestar mais atenção aos seus consumidores, clientes externos e clientes internos.

Afinal? Qual a diferença entre consumidor, cliente interno e cliente externo?

Um consumidor pode ser caracterizado como uma pessoa que compra nossos produtos e serviços sem necessariamente ter vínculo com a empresa, marca ou produto. São aquelas que, na maioria das vezes, procuram apenas preços e vantagens pessoais, sem ligar muito para qualidade do produto ou pelo atendimento das empresas.

Um cliente já é diferente, são pessoas que procuram nossa marca, nossa empresa e fazem questão de comprar somente a nós. São eles que pagam os salários dos colaboradores, que defendem a marca ou o produto e que falam na nossa loja para um monte de gente. Um cliente possui uma relação de confiança e respeito pela nossa empresa e só nos abandona quando não conseguimos mais encantá-lo.

Perder um cliente é muito fácil, difícil é conquistá-lo e manter esse relacionamento de forma duradoura.

Para encantar nossos clientes externos, precisamos encantar os clientes internos da empresa para que a mágica aconteça. Os clientes internos são os colaboradores que todos os dias possuem um grande desafio que é encantar e manter clientes externos. Por isso que cada vez mais as grandes organizações oferecem uma série de benefícios que fazem a diferença na vida daqueles colaboradores que batalham dia-a-dia para captar e atender todos da melhor maneira possível.

E como atender bem tantos os externos quanto os internos? Dica: tratando todos da mesma forma. Se nossos clientes externos possuem vantagens adicionais e descontos em produtos e serviços, ofereça isso também aos seus funcionários (cliente interno). Estimule o seu vendedor com metas justas e bonifique ele além da questão financeira, parabenize-o na frente de todos. Daniel Godri, um dos maiores palestrantes do Brasil diz que todos os funcionários querem basicamente duas coisas: recompensa (salário, benefícios e comissões) e reconhecimento (parabéns, elogios e aplausos).

Quanto mais eu ofereço recompensa e reconhecimento aos meus clientes internos, melhor o meu retorno junto aos meus clientes externos. Contudo, é aí que entra o papel da gestão de RH no sucesso da empresa. É o RH quem filtra e determina quais colaboradores realmente estão motivados e entenderam a lógica do Ganha/Ganha (ganha o cliente e ganha o funcionário), pois sabemos quem nem todos possuem esta competência.

Uma gestão de RH bem equilibrada eleva os níveis de competência e qualidade em todos os indicadores da empresa e isso é fator determinante no sucesso de cada organização. Procure saber um pouco mais sobre gestão de pessoas, ou melhor, gestão com pessoas e veja que existem milhares de oportunidades de aumentar a produtividade e as habilidades dos seus colaboradores ou seus clientes internos.

Gibbs
About Gibbs
A Gibbs Consultores Associados é uma consultoria focada em inovação. O serviço de consultoria oferecido ao cliente, acontece por meio de diagnósticos e processos e tem o propósito de levantar as necessidades do cliente, identificar soluções e recomendar ações.
Gestão dos recursos humanos nas empresas